Panorama geral

CARTA ABERTA AO GOVERNO DE BRASÍLIA

O Urbanistas por Brasília tem acompanhado com expectativa as notícias referentes à eventual reforma administrativa que resultaria em uma fusão entre a Secretaria de Estado de Gestão do Território e Habitação (SEGETH) e Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA).

Ainda que nossa atuação não inclua opinar sobre arranjos institucionais ou organizacionais, vemos com cautela essa eventual fusão por entendermos que a ocupação urbana e a preservação ambiental são dois pratos de uma mesma balança.

São duas áreas que tanto podem ganhar mutuamente em uma gestão unificada, especialmente devido à agilização de procedimentos e uma análise mais sistêmica e integrada, quanto podem resultar em riscos e danos irreversíveis em situações de grande risco ambiental e quando for necessário um embate técnico que avalie situações mais delicadas.

De toda forma, avançando além da questão da conveniência ou não dessa fusão, entendemos ser importante nesse momento registrar nossa percepção acerca do trabalho que vem sendo desenvolvido na SEGETH.

A gestão anterior à frente da então SEDHAB se caracterizou por posicionamentos polêmicos, impositivos e açodados, o que se revelou muito preocupante diante das possíveis consequências a um Patrimônio Mundial, característica e condição que naquele momento parecia não ser compreendido pelo responsável pela pasta, por sinal sem formação técnica adequada para assumí-la.

A gestão atual da SEGETH, na figura do Arquiteto Thiago Teixeira de Andrade, tem se caracterizado por uma atuação eminentemente técnica, responsável e cautelosa, aberta ao diálogo e receptiva às contribuições da sociedade organizada. Além disso, é condição imprescindível haver um profissional capacitado e com conhecimentos técnicos na área de planejamento urbano e regional à frente da pasta.

Entendemos que, apesar das enormes dificuldades econômicas herdadas da gestão anterior e que tem impedido um desempenho mais eficiente do Governo de Brasília, o trabalho desenvolvido pela SEGETH até o momento merece reconhecimento. Nesse sentido consideramos fundamental deixarmos registrado nosso apoio a permanência do atual titular da pasta, ainda que porventura o Governo de Brasília entenda ser viável e positivo para o DF a fusão com a SEMA.

Atenciosamente,

Urbanistas por Brasília

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s